quarta-feira, 18 de julho de 2012

"Latência"

Apetecia-me hibernar espaçadamente
Caminhando dormido pela semana
Bocejando apenas quando esta finda
E se me oferece o que deveras aprecio
O que gosto é por demais concentrado
Carece de liquefacção por suprema adrenalina
Acumulando-a no sono andante das semanas
Tê-la-ia para viver plenamente no que me anima

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.

Vivi quase sempre no sonho Cedo me omiti da realidade Quando realizei o que não vivi Até para sonhar já era tarde E da não vida que se ...